Dicas de organização e composição para nichos e prateleiras



(Reprodução: Shutterstock)

Os nichos e prateleiras são essenciais para quem gosta de itens multiuso na decoração de toda a casa. Eles funcionam como peças ideais para armazenar e manter a organização de objetos decorativos, porta-retratos, livros ou tudo que precisar ficar à mão quando necessário.
 
Além de deixar os cômodos bonitos e cheios de estilo, os nichos e prateleiras garantem economia de espaço, já que podem ser fixados em qualquer ambiente, facilitando a circulação de pessoas e a rotina do dia a dia. 
 
A versatilidade dos modelos, aliada às opções de tamanhos e formatos, oferecem inúmeras possibilidades de uso e vantagens características que esses acessórios têm. Então, confira as dicas que separamos para você organizar, combinar e instalar nichos e prateleiras.    

Diferença entre nichos e prateleiras
(Reprodução: Shutterstock)

Apesar da semelhança, nichos e prateleiras contam com características próprias.  
Os nichos têm formas e bordas fechadas que favorecem o apoio na disposição de itens. Os formatos são geométricos, como quadrados, retângulos, triângulos, hexágonos e círculos. A quantidade, a altura e as alternativas de composições garantem personalidade aos nichos. 
 
As prateleiras são abertas e contam com um visual linear, o que confere um toque mais tradicional aos ambientes. São perfeitas para preencher pequenos espaços e armazenar itens que não são usados com muita frequência. 
 
Um ponto em comum é que, ao contrário das estantes, nichos e prateleiras dispensam o contato direto com o chão, pois são fixados nas paredes. Ainda assim, existem alguns estilos de decoração em que os nichos ficam na altura do chão e as prateleiras podem ser instaladas no formato de estantes.

Dicas de como organizar nichos e prateleiras
Nichos e prateleiras (Reprodução: MadeiraMadeira)

Uma boa organização é fundamental para que a decoração fique completa em todos  os cantinhos da sua casa. O ideal é que o ambiente fique bonito, ao mesmo tempo que se mantém tudo em ordem, de um jeito prático e funcional. Siga algumas dicas de como organizar o conteúdo de nichos e prateleiras:

  • Procure não carregá-los com objetos em excesso para não bloquear o acesso e a visão de outros itens. Assim, você evitará um desconforto visual desnecessário;
  • Prefira usar caixas organizadoras, potes e utensílios que sigam um padrão de tamanho e cores. Essa combinação traz harmonia ao espaço e impede um efeito de confusão aos olhos.
  • Se você precisa guardar muitos itens e aproveitar o máximo de espaço disponível, use nichos e prateleiras em lavanderias, despensas ou no “quartinho da bagunça”. As caixas organizadoras e cestas recebem maior volume de armazenagem, permitindo que seja ocupado todo o intervalo entre as prateleiras;
  • Organize as prateleiras pensando em equilíbrio. Objetos mais pesados devem ficar nas bordas da superfície. Procure acomodar elementos menores e discretos na parte central da peça;
  • Para disfarçar a desorganização visível em nichos e prateleiras, use todo o potencial e a discrição das caixas organizadoras e cestas. Você não precisa misturar itens que não são usados com frequência, junto de livros ou lembrancinhas expostas ao pó. Uma alternativa é separar as caixas de acordo com as funções dos objetos; 
  • Uma prateleira pode receber objetos de tamanhos e formatos desproporcionais. A dica para que apresentem uma sensação de unidade é agrupá-los próximos a outros artigos com proporções equivalentes.

Como usar nichos e prateleiras nos ambientes da casa
Nichos e prateleiras (Reprodução: MadeiraMadeira)

  • Quarto infantil ou de bebê

As prateleiras infantis em vários tamanhos e com bordas especiais para garantir a segurança dos pequenos servem como organizadores de brinquedos e para acomodar livros, gibis e objetos decorativos. Em conjuto com os nichos, as prateleiras podem ser instaladas estrategicamente ao alcance das mãos das crianças, em uma altura de fácil acesso. Para dar mais alegria ao quarto infantil, invista em cores, formatos e temas divertidos. 

  • Quarto de adultos

Em especial, esse é um cômodo que propicia as mais diversas composições para nichos e prateleiras. Se a falta de espaço é um problema, os nichos podem revestir toda a parede do quarto, destacando enfeites decorativos e armazenando itens que precisam ter fácil acesso. Eles também podem ser fixados em volta e sobre a cama.

Prateleiras dispostas em várias alturas e direções dão ao quarto um ar despojado e moderno. Elas incrementam a decoração, seja em uma ou mais paredes do cômodo e servem de apoio para livros, porta-retratos e aparelhos eletrônicos. 

  • Home office

O local reservado para a rotina de trabalho e estudos dentro de casa requer praticidade em primeiro lugar. Os nichos e prateleiras atuam em conjunto, de acordo com a necessidade de armazenamento. A dica é ter em mente o que será preciso ter à mão, como pastas, livros e outros materiais. O estilo e composições dos nichos e prateleiras no escritório vão fazer toda a diferença, assim como as cores e formatos. O resultado pode vir com um tom mais sóbrio ou até mesmo descontraído e criativo ao ambiente.

(Reprodução: Shutterstock)

  • Banheiro

Os nichos podem ser usados no banheiro e ganham importância na otimização e organização de espaços. Por ser um cômodo pequeno, que requer limpeza frequente, os nichos se encaixam perfeitamente para guardar toalhas, itens de higiene e rolos de papel higiênico

As prateleiras podem ser aproveitadas como apoio para itens de decoração, vasos de plantas, velas aromáticas e perfumaria. Em geral, cuidado com o entorno dentro do ambiente para evitar acidentes. A circulação não pode ser prejudicada por excesso ou tamanho dos nichos e prateleiras. 

  • Cozinha

Na cozinha, os nichos têm formatos mais clássicos, com modelos quadrados e retangulares. Eles preenchem espaços na parede e podem ser instalados nos armários, funcionando de apoio para acomodar itens decorativos e utensílios de cozinha. O segredo é planejar exatamente o que vai ser necessário ficar sempre à mão, de acordo com a intenção do morador. 

Para armazenar potes de temperos e copos, recorra às prateleiras com profundidade entre 10 a 15 cm. Panelas, eletrodomésticos, ou até mesmo vasos de plantas pedem que as peças tenham um fundo entre 35 e 40 cm. Assim como os nichos, as prateleiras instaladas na cozinha são muito práticas no cotidiano da casa. 

  • Salas

Nas salas de estar e jantar é possível abusar da criatividade nas composições, realçando a personalidade dos moradores e transmitindo sensações aos convidados.

Os nichos podem substituir estantes grandes e pesadas, racks e armários embutidos. Eles desempenham muito bem papéis decorativos e de organização. Uma vantagem é que nichos, prateleiras, e móveis com as mesmas funções podem coexistir de uma forma integrada. Tudo vai depender da utilidade que cada um terá na sala de estar ou jantar. Um rack pode contar com estrutura de nichos para apoiar livros e outros itens decorativos, por exemplo. 

Uma sugestão interessante é usar prateleiras em uma parede inteira, em volta da televisão, aproveitando para acomodar outros acessórios eletrônicos e objetos de decoração. Prateleiras pequenas quando instaladas em alturas diferentes trazem um toque delicado para exibir enfeites, sem precisar de muito espaço. 

Principais tipos de composições de nichos
Nichos e prateleiras (Reprodução: MadeiraMadeira)

Já falamos sobre a versatilidade que os nichos têm e as possibilidades de composição. Agora vamos conhecer algumas das posições em que eles podem ser instalados? Cada uma delas traz efeitos visuais e funções diferentes de acordo com o gosto do morador. Confira as principais configurações para compor os nichos em sua casa:

  • Alinhados na vertical ou horizontal

É a maneira mais tradicional e equilibrada para ordenar os nichos. Quando alinhados horizontalmente, seu estilo regular é indicado para ambientes de trabalho ou quartos infantis: lugares em que geralmente pede-se organização. Lado a lado, sem espaços entre os nichos, é possível formar uma prateleira. A disposição vertical realça o pé direito do ambiente, dando uma sensação de cômodo mais alto. 

  • Diagonal

Essa composição fica muito bem em paredes amplas, já que se pede um espaço maior para que traga o resultado esperado. Experimente essa opção em ambientes mais jovens e despojados para uma impressão de movimento. Proporcione um toque de originalidade ao variar o espaço entre as peças e o formato dos nichos. 

  • Irregulares ou assimétricos

Aqui não existe padrão, muito menos a busca por uma ideia de estabilidade. A forma irregular ou assimétrica causa um impacto ao contrário. É uma composição bastante moderna e descontraída, voltada para quartos, salas ou ambientes que tenham o mesmo estilo decorativo. 

  • Alternados

Visualmente esta opção pode causar desconforto para algumas pessoas, mas o conceito do alinhado e desalinhado é um caminho versátil e que transmite um toque extrovertido ao ambiente. Leve em consideração o formato das peças e as características do local para a melhor escolha. Tente espalhar os nichos em várias regiões do cômodo para criar um clima mais leve. 

  • Box (em caixa)

A composição em caixa ou box é aquela que forma um quadrado. Essa maneira de dispor os nichos pode ser criada independentemente do número e tamanho de peças em formatos (também) quadrados ou retangulares. Ela ajuda a manter a organização do cômodo e ocupa o espaço livre na parede de um modo aconchegante aos olhos. O número de linhas e colunas, assim como o vão entre os nichos permitem a criação de opções modernas, apesar da sensação de continuidade promovida por linhas retas.  

Cuidados ao instalar nichos e prateleiras
Nichos e prateleiras (Reprodução: MadeiraMadeira)

Alguns pontos de atenção antes de fixar nichos e prateleiras nas paredes acabam surgindo como essenciais para evitar acidentes e alcançar o melhor resultado visual e funcional para o ambiente. Confira algumas dicas:

  • Considere o material das peças que serão instaladas. MDP e MDF em banheiros têm alta possibilidade de estufarem por conta da umidade. Nesse caso prefira vidros, pedras ou outras matérias-primas como revestimento;
  • Após decidir entre nicho ou prateleira, meça o local onde será feita a instalação. A ideia é não errar na largura para que não seja necessário cortar a peça, evitando estragar o acabamento original; 
  • Ninguém quer passar por riscos, ainda mais quando se tem crianças ou pets dentro de casa, não é mesmo? Então, garanta a firmeza das peças e não ultrapasse o limite de peso que geralmente o fabricante deixa indicado na embalagem. Para deixá-las corretamente fixadas, siga ao pé da letra as instruções de instalação do manual de montagem ou chame um profissional;
  • Nunca deposite carga excessiva sobre os nichos e prateleiras. Com o tempo eles podem ceder e causar transtornos indesejáveis. O que vale é o bom senso na hora de preencher os espaços com itens que não afetem a estrutura das peças, e consequentemente, das paredes. Além disso, tenha certeza de que o local onde serão feitas as furações não estejam próximas de tubulações e encanamentos. 


Materiais para instalação
(Reprodução: Shutterstock)

A lista abaixo conta com os itens que não podem faltar para você instalar nichos e prateleiras em casa. Os modelos mais comuns podem ser fixados sem muita complicação com os seguintes materiais:


Passo a passo de como instalar nichos e prateleiras comuns:Nichos e prateleiras (Reprodução: MadeiraMadeira)

  1. Depois de fazer a lista e separar os materiais,verifique se a parede em que será feita a instalação não tenha tubulações hidráulicas e dutos de fiação elétrica;          
  2. Cubra o piso com folhas de jornal para facilitar a limpeza após o trabalho;
  3. Use a trena para medir corretamente a altura que a peça terá do chão e marque com um lápis onde serão feitos os furos;
  4. Agora use o nível para certificar-se que está tudo alinhado; 
  5. Cole a fita crepe no local da furação. Ela ajuda a prevenir danos na parede e te dará uma melhor noção da posição dos nichos ou prateleiras;
  6. Instale a broca na furadeira com o auxílio da chave de mandril até que fique bem presa. Perceba que as buchas e parafusos vêm com uma numeração, geralmente de 6 a 10mm, que corresponde ao peso que a peça poderá receber;
  7. Faça os furos com a furadeira usando a broca adequada para o tamanho da bucha e parafuso mantendo as mãos firmes em um ângulo de 90º para maior segurança e um resultado preciso; 
  8. Encaixe as buchas com cuidado para não danificar a parede. Você também pode inserir as buchas com suaves marteladas;
  9. Depois de colocar as buchas, alinhe a peça a ser instalada para encaixar os parafusos originais que vêm junto com o kit do nicho ou prateleira.
  10. Fixe a peça, verifique com o nível se a peça não ficou torta e pronto! Use seu nicho ou prateleira para armazenar, organizar e decorar o ambiente.

 
 
E aí, gostou das dicas? Então, confira uma lista especial com nichos e prateleiras que não podem faltar para sua casa ficar organizada e cheia de estilo!

Leia também: 
Como escolher cores e móveis para o quarto
Móveis para escritório: quais os principais e dicas para organização
6 dicas para um banheiro pequeno, moderno e aconchegante
5 dicas para decorar um apartamento studio
Estilos de decoração: industrial

Compartilhe:

Podemos Ajudar?
Olá. Como podemos ajudar?
Informar erro no site

Informe onde ocorreu o problema

Informações adicionais

Descreva o problema para entendermos melhor a situação e solucionarmos a questão mais rápido.

Informe seus dados

Por fim, informe seus dados para entrarmos em contato a respeito da resolução do problema.

Enviado com sucesso!

Seu feedback é muito importante para aprimorarmos nossas ferramentas e atendê-lo melhor todos os dias.
Obrigado!

Ocorreu um erro!

Desculpe, não foi possível enviar o formulário.
Volte a etapa anterior e tente novamente.